Type

Database

Creator

Date

Thumbnail

Search results

19 records were found.

This article is a reflection about the classification of Évora an a heritage city. This classification is still too much based in the quantity and quality of the city historic monuments, considering ancient current architecture and urban structures only as context of those monuments. The idealized perspective of Évora’s past that dominates the majority of the discourses about the city, symbolised by its most important historic buildings, explains why ancient current architecture and urban structures don’t have yet a heritage status similar to the monuments. More permeable to the history dynamics, thecurrent architecture and urban structures forms reflect the epochs of expansion as well as the epochs of depression. So, what we propose is another way of seeing the Évora’s value as heritage, a more enlarged one, which includes the entire ...
O Paço Real de Sintra, monumento secular que sempre marcou a configuração e a vida da Vila de Sintra, com o golpe de estado de 5 de Outubro de 1910 mudou de funções, perdendo o seu carácter residencial da Família Real Portuguesa. Passando a ter a denominação de Palácio Nacional de Sintra, iniciou um novo período da sua vida, transformando-se progressivamente naquilo que podemos designar actualmente por um “palácio-museu”. Entre 1910 e 2009 este edifício foi evoluindo como estrutura museológica, apresentando-se ao visitante de diferentes maneiras ao longo dos últimos quase cem anos. Sendo, talvez, o circuito expositivo o aspecto mais visível do modo como o palácio se entende e se assume perante os públicos, verifica-se que este foi sendo alterado.Através de diferente bibliografia estudaram-se diversos percursos sugeridos ao longo das úl...
A presente dissertação traça uma panorâmica da conjuntura que permitiu dar acesso público à colecção privada de obras de arte de Manuel de Brito. Esta última serviu de base para a criação do Centro de Arte homónimo e núcleo museológico de arte contemporânea a funcionar nas instalações do readaptado Palácio Anjos, chalet oitocentista de referência em Algés, no concelho de Oeiras. A análise esboça, primeiramente, um retrato histórico do período em que se processa a actividade da Galeria 111, estabelecimento que granjeia notoriedade pública à família Brito e cria as condições para que, ao longo de quarenta anos, tenha reunido um dos mais relevantes acervos de arte contemporânea portuguesa. Nesta contextualização incluem-se as circunstâncias políticas do período marcelista, o take-off do mercado de arte em Portugal, a inclusão no circuito ...
Considerando que a perspectiva sociocultural da museologia implica um cruzamento de linguagens, teórica e prática, inerentes ao (re)pensar exposição, exige-se um esforço de construção de um discurso expositivo adequado na óptica de uma comunicação mais directa e imediata entre o museu e os seus públicos. O presente trabalho de investigação pretende reflectir sobre a função expositiva tendo em vista a compreensão e a utilidade do modus operandi que está na sua base. Nesta linha recorremos a dois estudos de caso inseridos no contexto da Galeria de Exposições Temporárias do Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça, conscientes de que são múltiplas as facetas que intervêm numa reflexão focalizada no processo expositivo e indispensáveis para uma compreensão plena de todas as suas dimensões, afigurando-se, deste modo, como um ponto de partida par...
Os museus de arte contemporânea apresentam-se actualmente como instituições centrais, não só no pensamento e legitimação da arte dos nossos dias, mas também na reflexão sobre o modo de ver a arte e a forma como a história da arte parece necessitar de novos instrumentos para alargar as leituras e cruzamentos entre as produções artísticas de diversas épocas. Perante novos modos de expor, que passaram a deixar de lado a unilinearidade, a cronologia, ou mesmo a divisão estilística, o museu posicionou-se na linha da frente juntamente com teóricos da história da arte que pretendem revolucionar a mesma, como é o caso de Didi-Huberman, Hans Belting ou Norman Bryson. Partindo destas problemáticas, analisaremos neste trabalho o Museu do Chiado – Museu Nacional de Arte Contemporânea, incidindo principalmente nos últimos 15 anos, em que esteve sob...
Trabalho de Projecto apresentado para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Museologia.
Novo e velho. Dois antónimos constantes nos textos que compõem esta dissertação de mestrado. O interesse pelo passado e pelo antigo e sua apropriação no presente é uma marca das elites cultas desde a Antiguidade. Porém, a aproximação da idade contemporânea e do novo tipo de sociedade, ou civilização, nascida da revolução industrial criará em redor do documento do passado uma nova aura: “O mundo acabado do passado perdeu a sua continuidade e a homogeneidade que lhe conferia a permanência do fazer manual dos homens. O monumento histórico adquire por isso uma nova determinação temporal. A distância que dele nos separa é, a partir de então, desdobrada. Ele está acantonado no passado de um passado. Um passado que não pertence mais à continuidade do futuro e que mais nenhum presente ou futuro virão aumentar. (…) Desde o Renascimento que as a...
"..... Pretendia-se criar uma ferramenta, apoiada em princípios e prioridades da conservação preventiva, que fizesse parte integrante das rotinas de trabalho dos Museus, com o intuito de facilitar, metodizar e orientar de uma forma prática e concisa o trabalho pelos funcionários responsáveis por esta área nos mesmos, assegurando assim a estabilidade do acervo museológico e as próprias funções do Museu descritas na Lei-Quadro dos Museus Portugueses: conservar, estudar, divulgar, e expor. Para este fim, optou-se por utilizar o formato de ―checklist‖ pois a sua estrutura ia de encontro aos objectivos que se pretendiam alcançar. Refira-se que no âmbito do tema escolhido para a presente dissertação, apesar de terem sido encontradas algumas ―checklists‖ na área da conservação preventiva de bens museológicos, não foi encontrada nenhuma relati...
Este trabalho de projecto assume como objectivo a divulgação de uma colecção privada cujo tema se dedica à Dança, através de um programa museológico de vertente educativa. A partir da referida colecção, o presente trabalho descreve o enquadramento teórico e conceptual do tema, nomeadamente, da História da Dança em Portugal; do valor documental da dança como Património Cultural e o seu papel na Memória Colectiva de uma sociedade; e da Iconografia da Dança. Na falta de informação e estudos sistematizados sobre a Iconografia das Artes do Espectáculo, pretende-se igualmente contribuir para a aplicação metodológica do método iconográfico na investigação histórica da Dança. Realizámos um inventário da colecção em estudo e, a partir da sua análise e avaliação, procedemos à proposta de um programa educativo para ulterior possibilidade de aplic...
"Expandir, circular, higienizar e tipificar foram os princípios que determinaram o paradigma da cidade do século XIX, seja nas teorias e nos discursos acerca do espaço citadino, seja nos projectos concebidos e elaborados, seja nas transformações efectivamente operadas nas morfologias dos centros urbanos". Assim começava o primeiro texto que redigimos para o projecto da tese que agora encetamos, e cujo objectivo geral era fazer a história da cidade de Évora do século XIX, cruzando três eixos que considerávamos, e ainda consideramos, estruturantes no caso em estudo. Esses três eixos são a arquitectura construiria de raiz, as alterações na configuração do espaço urbano e os monumentos do passado. Anunciava-se particularmente estimulante a relação dos dois primeiros com o último, tendo em conta que Évora era uma cidade que pouco se havia a...
Want to know more?If you want to know more about this cutting edge product, or schedule a demonstration on your own organisation, please feel free to contact us or read the available documentation at http://www.keep.pt/produtos/retrievo/?lang=en