Type

Database

Creator

Date

Thumbnail

Search results

73 records were found.

Objectivo: O presente trabalho tem como objectivo investigar os efeitos, a curto prazo, da publicidade televisiva de alimentos “saudáveis” e “HFSS – high in fat, sugar and salt” (ricos em gordura, açúcar e sal) nas escolhas alimentares infantis, e avaliar se a idade, o estado nutricional e os hábitos de visionamento televisivo são factores determinantes nestes efeitos. Métodos: Trata-se de um ensaio aleatório e controlado, com um grupo de controlo (não exposto a publicidade) e dois grupos de intervenção, um exposto a anúncios de alimentos HFSS e outro exposto a anúncios de alimentos saudáveis. Noventa crianças de idade pré-escolar foram distribuídas aleatoriamente pelos três grupos, e após as condições experimentais foram avaliadas as suas escolhas alimentares. Resultados: As crianças expostas a anúncios de alimentos HFSS escolheram ma...
O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA) celebrou, a 3 de Outubro de 2011, o Dia do INSA, com iniciativas de índole científica e institucional com o objectivo de reunir e debater a “Saúde e Difusão da Cultura Científica, do Conhecimento para a Comunidade”. Esta sessão científica pretendeu estimular a reflexão sobre o trabalho desenvolvido em torno da atribuição de “Difusão da Cultura Científica” no INSA ao nível dos Departamentos, no qual o Departamento de Alimentação e Nutrição tem contribuído substancialmente. Esta sessão promoveu, ainda, o debate com especialistas e parceiros de diversas áreas que contribuem igualmente para a concretização desta atribuição.
Introduction: Previous studies showed that the estimated prevalence of Portuguese childhood overweight was over 30% being one out of five countries with higher prevalence in Europe. Methods: Specific prevalence of overweight and obesity was determined, using 3 different diagnostic criteria from the first data collection (2008) of the National Nutritional Surveillance System - COSI Portugal - among the seven geographic regions. 3765 children (6-8 years old) were enrolled from 181 schools (national representative sample) with 50.3% of boys. Results: Prevalence of underweight, overweight (including obesity) and obesity was found according to IOTF (2000): 4.8%; 28.1%, 8.9%; using CDC (2000): 2.1%; 32.2%, 14.6% and according to WHO (2007): 1.0%; 37.9%; 15.3%, respectively. The multivariate analysis showed an higher risk of obesity in younge...
A obesidade infantil apresenta-se como um dos mais sérios problemas de saúde pública, quer no espaço Europeu, quer no resto do mundo. A taxa de crescimento desta doença tem-se mantido constante, acrescentando 400,000 crianças por ano, aos já existentes 45 milhões de crianças com excesso de peso. A Organização Mundial da Saúde (OMS), no seguimento da aprovação da Carta Europeia de Luta Contra a Obesidade1, lançou uma iniciativa a pedido dos Estados-Membros da Região Europeia com a intenção de instalar um sistema de vigilância da obesidade infantil. O WHO - European Childhood Obesity Surveillance Initiative, constitui o primeiro Sistema Europeu de Vigilância Nutricional Infantil. Portugal assumiu a coordenação Europeia desta iniciativa e a nível nacional este estudo denomina-se “COSI – Portugal". Sendo Portugal um dos países com maior pr...
A obesidade infantil apresenta-se como um dos mais sérios problemas de saúde pública, quer no espaço Europeu, quer no resto do mundo. A taxa de crescimento desta doença tem-se mantido constante, acrescentando 400,000 crianças por ano, aos já existentes 45 milhões de crianças com excesso de peso. A Organização Mundial da Saúde (OMS), no seguimento da aprovação da Carta Europeia de Luta Contra a Obesidade1, lançou uma iniciativa a pedido dos Estados-Membros da Região Europeia com a intenção de instalar um sistema de vigilância da obesidade infantil. O WHO - European Childhood Obesity Surveillance Initiative, constitui o primeiro Sistema Europeu de Vigilância Nutricional Infantil. Portugal assumiu a coordenação Europeia desta iniciativa e a nível nacional este estudo denomina-se “COSI – Portugal". Sendo Portugal um dos países com maior pr...
Introduction: Childhood Obesity represents one of the most serious public health challenges, as it reached epidemic levels in several countries around the world. The prevention and treatment of this disease should be a top priority. The interventions used within childhood obesity approach should be community and family based and should essentially lie upon behaviour modification regarding diet and physical activity. The main purpose of the Project Obesity Zero (POZ) is to tackle childhood obesity at municipality level trough a set of activities (Healthy cooking programme and a nutritional guidance programme) targeted at low income families with overweight children. Methods: A Quasi-experimental multicentric study, developed in 2009 in five portuguese municipalities from the five regions of Portugal: Melgaço - North, Mealhada- Centre, C...
INTRODUÇÃO: A obesidade infantil constitui um dos mais sérios desafios de saúde pública, tendo atingido níveis epidémicos em vários países do Mundo. A sua prevenção e tratamento são prioritários. As intervenções em ambiente familiar de base comportamental que incorporam modificações ao nível da alimentação e da actividade física parecem ser as mais efectivas no controlo do peso corporal. A participação da comunidade constitui um eixo estratégico indispensável no combate a esta doença, apesar de serem escassos os projectos que assentam no desenvolvimento de respostas inovadoras às famílias com crianças com excesso de peso. Neste sentido, foi implementado um projecto inovador de base municipal, o Projecto Obesidade Zero (POZ), cujo principal objectivo foi desenvolver um programa de intervenção e abordagem do excesso peso e obesidade em c...
A obesidade infantil apresenta-se como um dos mais sérios problemas de saúde pública, quer no espaço Europeu, quer no resto do mundo. A taxa de crescimento desta doença tem-se mantido constante, acrescentando 400,000 crianças por ano, aos já existentes 45 milhões de crianças com excesso de peso. A Organização Mundial da Saúde (OMS), no seguimento da aprovação da Carta Europeia de Luta Contra a Obesidade1, lançou uma iniciativa a pedido dos Estados-Membros da Região Europeia com a intenção de instalar um sistema de vigilância da obesidade infantil. O WHO - European Childhood Obesity Surveillance Initiative, constitui o primeiro Sistema Europeu de Vigilância Nutricional Infantil. Portugal assumiu a coordenação Europeia desta iniciativa e a nível nacional este estudo denomina-se “COSI – Portugal". Sendo Portugal um dos países com maior pr...
As crianças em idade escolar (6-10 anos) encontram-se em crescimento contínuo, sendo essencial a adopção de um padrão alimentar equilibrado e adequado às suas necessidades que deve compreender uma distribuição, em termos de aporte energético e nutricional, de acordo com os princípios de uma alimentação saudável – completa, variada e equilibrada. As necessidades de energia da criança dependem das necessidades impostas pelas funções do organismo, pelo crescimento e também pelo dispêndio de energia inerente à prática de atividade física que, no período escolar, pode ser muito intensa. O total de alimentos, ingeridos ao longo do dia, deve respeitar as proporções da roda dos alimentos, bem como distribuir-se pelo menos em cinco refeições diárias, optimizando assim todas as funções do organismo e evitando o cansaço e a falta de concentração....
Want to know more?If you want to know more about this cutting edge product, or schedule a demonstration on your own organisation, please feel free to contact us or read the available documentation at http://www.keep.pt/produtos/retrievo/?lang=en