Type

Database

Creator

Date

Thumbnail

Search results

10 records were found.

O Clima e a Cultura Organizacional fazem parte do contexto de qualquer organização escolar, sendo afetados pelo tipo de gestão realizada. A presente dissertação objetiva analisar as implicações da gestão democrática para o clima e a cultura organizacional no contexto da escola pública. Especificamente, intenciona: a) verificar as possibilidades de construção da gestão democrática no contexto da escola pública; b) analisar a relação entre clima, cultura organizacional e gestão democrática; c) identificar o papel da comunidade escolar na construção da gestão democrática. A metodologia partiu da abordagem quantitativa-qualitativa, com amostra composta por 2 gestoras escolares; 2 técnicas pedagógicas, 10 docentes, 90 alunos do Ensino Fundamental e Médio, 5 pais e 2 funcionários. O lócus da pesquisa foi a Escola Estadual de E.F.M., em Belém...
Dissertação de Mestrado em Ciências da Educação, Especialização em Administração Educacional
Dissertação de Mestrado em Ciências da Educação, Especialização em Administração Educacional
Dissertação de Mestrado em Ciências da Educação, Administração Educacional
Considerando o protagonismo que a figura do diretor de escola adquiriu, quisemos conhecer as representações que os professores da escola pública portuguesa têm relativamente à modalidade de escolha do diretor para concluirmos se ela se constitui, ou não, como um instrumento ao serviço da escola democrática. Para tal, problematizamos a ideia de participação enquanto capacidade decisória por parte dos atores educativos e fizemos uma incursão pelo modo de nomeação, concurso público e eleição, na tentativa de perceber qual aquele que se revela mais concordante com práticas democráticas. Com o recurso a conversas informais e a entrevistas realizadas a quinze professores de um Agrupamento de Escolas foi possível concluir que a eleição indireta não arrecada simpatia e pode traduzir-se, na ótica dos entrevistados, como uma prática antidemocrát...
Os pressupostos a que se encontra vinculada a administração escolar, a mesma adoptada pela administração empresarial, constitui-se como factor decisivo para a situação de crise de racionalidade, de motivação e de legitimidade em que aquela se encontra. A produtividade e a eficiência, pressupostos que a racionalidade instrumental integra, não tem permitido que os actores educativos se constituam enquanto sujeitos democráticos e, por isso, tem impedido que se convertam em sujeitos de acção. As práticas dos directores escolares e as condições a que estão sujeitos parecem não favorecer o aparecimento de uma racionalidade democrática e emancipatória. Torna-se, por isso, necessário a emergência de uma racionalidade enformada pela crítica, pelo diálogo intersubjectivo e que reconheça, tanto a importância dos meios como dos fins na tentativa d...
Só pela recuperação do sentido da liderança e da liberdade, profícuas à promoção de uma organização democrática que inclua todos os actores educativos e de uma forma comprometida na acção de organizar, e pela exigência da sua indispensável participação indagadora e reflectida, de acordo com Freire, estaremos em condições de humanização. A ordem é reinventar a própria escola como organização a aprtir da criticidade que a decisão deve incluir. é recusando a condição de alienado, de espectador, de diminuído e de dirigido pelo poder dos mitos que lhe são impostos que o sujeito se transformará em força de mudança, que surgirá convertido em homem ou mulher sujeito que se vê liberto de uma das maiores tragédias da actualidade, a expulsão da órbita das decisões (...)
A educação em Angola tem revelado nos últimos 5 anos progressos quantitativos e qualitativos, traduzidos no incremento das matrículas e da frequência escolar do ensino primário e na qualificação dos professores. Nesta base, tem-se materializado a bom nível o 2.º Objectivo de Desenvolvimento do Milénio (alcançar o ensino primário universal) mas tem sido problemática a realização do Objectivo n.º3 respeitante à promoção da igualdade de género na educação (...)
A educação em Angola tem revelado nos últimos 5 anos progressos quantitativos e qualitativos, traduzidos no incremento das matrículas e da frequência escolar no ensino primário e na qualificação dos professores. Nesta base, tem-se materializado a bom nível o 2º Objectivo de Desenvolvimento do Milénio (alcançar o ensino primário universal) mas tem sido problemática a realização do Objectivo nº 3 respeitante à promoção da igualdade de género na educação. Entre os factores explicativos das desigualdades contam-se: a estrutura da rede escolar deficitária no meio rural, a pobreza das famílias; e as tradições culturais (ritos de iniciação) que, em conjugação, impedem a permanência das raparigas na escola, conduzem ao abandono precoce, ao que se segue o casamento e a maternidade. A comunicação visa abordar as características, problemas, medid...
Want to know more?If you want to know more about this cutting edge product, or schedule a demonstration on your own organisation, please feel free to contact us or read the available documentation at http://www.keep.pt/produtos/retrievo/?lang=en